A Virada de Jogo da Fox

10 09 2008

Virada do jogo? O que entendemos por esta frase? Claramente, se tratando da Fox Film do Brasil, em meu entendimento, seria uma redução dos preços Rental da distribuidora, mas para os empresários da mesma, não é isto que o mercado está precisando, pois parece, no entendimento deles, que temos o poder aquisitivo em nossas lojas de pagar R$119,00 pelo título “Além do Lago Ness” ou “A Presa Humana”.

https://i2.wp.com/blogs.zdnet.com/Apple/images/fox-color-logo.jpg

No início de Agosto, a Fox promoveu seu encontro anual de vendas no Eco Resort, em Angra dos Reis (RJ), o link ao lado é da pagina do Resort, dêem uma atenção especial aos preços sugeridos de diárias do Resort. Pois bem, o foco da distribuidora brasileira, já adianto, não estará em momento algum no preço final distribuído ás nossas lojas, trata-se de manobras em conjunto com as vídeo locadoras (que não serão todas obviamente) para reatar relações comerciais com nossos clientes, resumindo: Trazer de volta às lojas o público perdido com o tempo.

Eis a maravilhosa e indagada frase dita por Dílson Santos, vice-presidente sênior da empresa na América Latina: “Nós vamos chacoalhar o mercado de uma vez…”, o mesmo ainda retomou dizendo que confia no desenvolvimento do setor e na retomada do crescimento das locadoras. Agora vamos aos comentários irônicos:

É mais do que piada, ouvir um vice-presidente de uma das maiores empresas do mercado de vídeo mundial, dizer que mesmo com os preços absurdos de R$119,00, o mesmo acredita no potencial de crescimento das lojas. Caros leitores, em minhas pesquisas com lojas de minha cidade e via e-mail através de grupos na Internet, venho constatando que os pedidos de filmes da distribuidora que agora será a bem feitora que trará os clientes de volta às locadoras está DESAPARECENDO dos boletos de todos empresários. Caso um filme da Fox seja muito bom, fica quase impossível gastar R$238,00 em duas cópias iguais de um filme só. Caso a mesma ação seja feita com filmes da Warner, por exemplo, o gasto é quase 3 x menor, ficando em R$99,80, economia de R$138,20. Agora eu lhe pergunto: “Vale mais comprar 2 cópias de “Indiana Jones”, “Kung Fu Panda”, “A Múmia 3”, “Speed Racer”, “O Homem de Ferro” ou 2 cópias de “A Presa Humana” e “Além do Lago Ness”? Não precisa nem pensar né.

Outro ponto interessante à citar, é o que a Fox realmente faz, em benefício do mercado que a mesma diz promover e de seus consumidores finais, com os montantes ($$) arrecadados de vendas. Você vê alguma ação de combate á pirataria, divulgação maciça dos DVD’s novos em TV, Rádio e Revistas? Vê materiais diferenciados como Displays e Banners todos os meses? Se sua resposta á essas perguntas forem mais de 50% positivas, me diga com quem compras os DVD’s da Fox, para eu poder comprar também, pois nem material promocional para nossas lojas, a distribuidora garante. A Playarte, Paramount, Imagem Filmes e Universal aplicam preços acima de R$100,00 em seus títulos Rental, porém fornecem materiais a serem expostos em nossas lojas capazes de atrair clientes e chamar a atenção dos títulos recém-chegados. A Warner só nos disponibiliza o pôster, porém a mesma cobra um preço 60% menor em relação a suas concorrentes, sendo até aceitável a não distribuição de material mais chamativo.

O que a Fox mesmo quer, claro, é obter um ganho em cima de ações que podem ser feitas por nós mesmos, como mala direta aos endereços eletrônicos de nossos clientes, promoções, divulgações das mídias da Fox que encontram-se em nossas lojas, enfim. A intenção é boa, mas o resultado, não será o esperado por nós, empresários. E a farsa, contida nas entrelinhas do anunciado “A Fox vira o Jogo”, não passam de ações que acobertam a fama de uma distribuidora que ganha exatos R$119,00 por cada CD. Chega a ser engraçado, se formos analisar que com este preço, podemos comprar um novo aparelho de DVD com opções de Jogos, manetes e 2 microfones para Karaokê com pontuação, além de saída HDMI.

Para fechar com chave de ouro, aliás, diamante, Hegel Braga, diretor de Marketing da Fox soltou essa: “Os esforços foram todos centrados no rental porque este é o canal mais forte e importante do nosso negócio”. É claro meu querido Braguinha, se com um preço tão abusivo e em desacordo com a atual posição de todas as vídeo locadoras do país não fosse o ponto forte de vocês, eu me perguntaria com qual dinheiro os Senhores levariam para casa no fim do mês. É óbvio, evidente que o Rental é mais lucrativo á vocês, levar R$79,10 (119,00 – 39,90 Sell Thru) para casa em cada mídia vendida à preço de Rental de vocês tem que ser o ponto forte mesmo. Estou até pensando em enviar meu currículo à Vossa Excelência, majestade.

Sem mais, por hora.

Anúncios




Essencial, Dispensável, Decepcionante e Sell Thru

10 09 2008

Agora teremos esta nova categoria à classificar os filmes oferecidos de cada mês. Os filmes essenciais serão os Rentais que possivelmente serão mais procurados, ou seja, os filmes exibidos em grande número de salas de cinema do Brasil e com uma certa repercussão, além de atores mais conhecidos. Já os títulos Dispensáveis não significa que o filme é ruim, serão os mesmos que têm histórias mais leves ou ainda desconhecidos pelo público em geral, ou seja, filmes que serão lançados direto em DVD que podem esperar para serem adquiridos à preço de Sell Thru. Os filmes Decepcionantes serão aqueles mais que horríveis, que talvez nem em Sell Thru compensam. Já a tabela de Sell Thru será apresentada por completa, com comentários gerais sobre os filmes de cada produtora.

Lembrando que nesta seção não serão postados os comentários dos filmes em Rental, será apenas uma forma de distinguir os filmes quanto à suas qualidades; Também não estarão contidos filmes em Pré-Venda para entregas acima de 60 dias.

Essenciais:

Jogos de Amor em Las Vegas

A Outra

O Nevoeiro

Sex and The City

O Incrível Hulk

Uma Mãe para meu Bebê

O Melhor Amigo da Noiva

Programa Animal

Sem Medo de Morrer

Horton e o Mundo dos Quem

Bons, mas Dispensáveis:

Amor e Inocência

Romulus meu Pai

O Guru do Amor

Caçada Explosiva

Contratadas para Matar

Atirando para Matar

Pecados Inocentes

Decepcionantes:

Além do Lago Ness

Pânico no Deserto

Presa Humana

Ligações Criminosas

Refém do Silêncio

Avalanche

Fúria pela Honra

Ilha Maldita

A Fera Assassina

Quatro Minutos

As Strippers Zumbi

Conspiração

Virando a Mesa

Código para um Resgate

Jogos de um Psicopata

O Sell Thru

Os filmes em Sell Thru chegam dando um banho de água fria em quem desembolsou suados R$100,00 em títulos como 13º Andar, As Muitas Mulheres da Minha Vida, Como Roubar um Banco, Ninguém Segura esta Garota etc. Todos estão sendo oferecidos por R$29,90. Os filmes são legais, mas não valiam o preço Rental.

Os melhores títulos em Sell Thru são: “2 Dias em paris” da Focus Filmes, que rendeu boas locações quando estreou em Rental, “A Cadeira do Diabo” que aluga bem até os dias de hoje, mas não passa de mais um no estilo de “Jogos Mortais”. ‘A Fronteira” surpreendeu muita gente, e é um bom filme de suspense e muito agitado. Os filmes da Imagem Filmes são os melhores em ST, contendo “Regras do Brooklyn” com Alec Baldwin, “Saindo de uma Fria”, uma ótima comédia para os mais jovens, além dos filmes já citados anteriormente.

A Paris Filmes entrega à R$34,90 o ótimo “Asylum”, se sua loja não tem este sucesso não pense duas vezes, adquira sem dúvidas. Já a Paramount repete as doses de colocar em Sell Thru filmes do mês anterior, e os escolhidos para Outubro são “O Olho do Mal” com Jéssica Alba, excelente por sinal, e os mais desconhecidos “Nitro” e “Como Ela Dança”, mas não deixam de ser legais, Nitro por exemplo, é mais interessante por não ter somente corrida em seu enredo.

A Sony Pictures enfim despencou os preços dos horríveis “Os Salsichas” e “Escolhas Erradas”, mas para quem não possui os mesmos, à um preço de R$29,90 é outra história, aconselhável até. “A Virada” dos mesmos produtores de “Desafiando Gigantes” é mais que sensacional, e repete a dose de sucesso do antecessor Evangélico. “O Clube de Leitura de Jane Austen” e “Cabana Macabra” são ótimas pedidas da Sony.

A Playarte traz filmes meia boca, e como demora muito tempo para abaixar os preços de seus catálogos, a mesma sempre perde pontos neste quisito, trazendo “Hairspray” e “Ecos do Além 2”, dois filmes medianos, mas que alugam nos finais de semana.

Boas locações!





As Pré-Vendas

10 09 2008

Para Novembro, estarão sendo oferecidos já alguns títulos, à começar pela Universal, com os excelentes “O Procurado”, “A Ilha da Imaginação” e “A Múmia 3” que serão indispensáveis, ainda mais se tratando de filmes que chegarão próximo as férias de Dezembro. A Disney também ataca na Pré-Venda com a segunda parte dos heróis de “As Crônicas de Nárnia”, que mesmo tendo um preço absurdo, terá muita procura em nossas lojas, além deste a produtora lança “O Guerreiro Didi e a Ninja Lili” e “Romance”, ambos filmes brasileiros sem preços divulgados. A Warner coloca à venda “O Outro Conto da Nova Cinderela” e “Gossip Girl”, ambos muito bons, e serão muito bem alugados por pessoas que gostam de títulos como “A Nova Cinderela” e “The OC”.

O Sell Thru da Disney também entrou em Pré-venda à R$39,90, dos filmes “Treinando o Papai” e o nacional “Chega de Saudade”.

É bom lembrar que em Novembro teremos outros títulos importantíssimos de outras produtoras como “Fim dos Tempos” e “O Grande Dave” da Fox; “Ao Entardecer” com Meryl Streep da Europa Filmes, e tudo indica que a Playarte irá lançar já em DVD o sucesso “Viagem ao Centro da Terra em 3-D”.





Sicko – S.O.S. Saúde

10 09 2008

Acho que todos aqui já ouviram falar, assistiram ou até possuem no acervo de sua loja o famoso “Fahrenheit – 11 de Setembro”, do aclamado diretor e documentarista Michael Moore. É evidente que o diretor deste sucesso é anti-republicano, seu poder em usar argumentos convincentes é de deixar qualquer político impressionado. Michael utiliza de uma forma bem real de mostrar todos os acontecimentos ao qual ele faz crítica, o mesmo não se envolve em conversas, metáforas, ironias APENAS. Estes elementos estão em peso em seus documentários, mas no pano de fundo da história real.

O novo filme, e recém-chegado “Sicko – SOS Saúde”, segue a linha do antecessor de Michael, mas não coloca Bush sozinho contra a parede, a fórmula que o diretor utiliza nos deixa perplexos diante dos fatos constatados e impressiona, com certeza. Os EUA é visto por todos como a sociedade perfeita, não como o “sonho americano”, mas sim como “o sonho do mundo” por assim dizer. A América, como os branquinhos referem a si mesmos, é o exemplo da boa economia, dos bons costumes e excelente modo de viver, mas claro que nessas três conjunturas estão excluídos os excelentes hábitos alimentares dos americanos, seus corpos totalmente em forma e suas peles bronzeadas, sem contar seu egocentrismo.

“Sicko” deixa claro a idéia de que os Estados Unidos está longe, mas muito longe de ser o melhor país para se viver, e principalmente tratar de uma doença. Quem diria Fidel, o Cubano rival de Bush que possui um sistema de saúde exemplar comparado aos dos americanos, quem diria os terroristas responsáveis pelo ataque do 11 de Setembro que recebem melhores atendimentos hospitalares e cuidados médicos do que qualquer outro cidadão americano que necessite de uma cirurgia ou internação. É, realmente, em pleno século XXI, o que os EUA podem esbanjar mesmo não passam de poderes diplomáticos, além de deter o melhor, maior e mais lucrativo comércio áudio-visual do mundo. Fora isto, os americanos rezam para chegar à decência de Cuba, da Grã-Bretanha, da França e mais 33 países á sua frente na qualidade de prestação de serviços médicos e hospitalares.

O filme é mais que obrigatório de assistir.

Tamanho originalTamanho originalTamanho originalTamanho originalTamanho original





Os Números de Outubro

10 09 2008

Vamos aos números: Em Outubro serão entregues 48 títulos em Rental e 53 títulos em Sell Thru, aproximadamente. Vamos colocar uma base – em Reais – de quanto seria os gastos de um empresário ao comprar todos os títulos Rental, e da mesma forma, de Sell Thru.

Se uma vídeo locadora adquirisse os 48 títulos, a mesma teria um gasto de cerca de R$4.160,00 aproximadamente. Isto levando em conta apenas 1 cópia de cada título, e o preço de alguns filmes de certas distribuidoras que são mais em conta.

Já os filmes em ST, caso alguma locadora adquirisse todos eles, a mesma gastaria R$1.616,50. Temos aqui um valor quase 4 x menor, e um número de mídias superior ao Rental, e isto não significa pior qualidade, muito pelo contrário, há mídias em Sell Thru muito melhores que as oferecidas á preço cheio (em alguns casos de distribuidoras, é claro).

Estes dados são só uma estatística, para provar que o Rental deve servir apenas como um atrativo aos clientes, e não um dever de compras, como sempre afirmam e empurram os nossos representantes. Vamos supor agora, que adquiríssemos a mesma quantidade de filmes Rental, porém comprados em sites que disponibilizam o título semi-novo, à um preço em média de R$64,90 como é o caso do site “A Poderosa”. Ao fazer isto, economizaríamos cerca de R$1.000,00 pelos mesmos filmes. Mas claro, há aqueles que não devem ser dispensados da tabela Rental como é o caso, no mês de Outubro, dos títulos “Sex and the City”, “Jogos de Amor em Las Vegas”, “O Nevoeiro”, Horton e o Mundo dos Quem”, “O Incrível Hulk”.

Enfim, é bom ficarmos atentos sempre à tabela de filmes, e sabermos escolher bem o que compramos, pois nossas locações dependem do potencial dos filmes que adquirimos, e também de um elemento que passa quase despercebido por muitos: A Quantidade em mídias.