Cinema: “O Grande Dave”

25 08 2008

O novo filme de Eddie Murphy estreou nos cinemas na semana passada e tem garantido um bom número de ocupações nas salas de cinema, é o que confirma a gerente da rede Multiplex de cinemas, que informou ao nosso site que desde a estréia em Betim/MG nesta sexta-feira, o filme superou os expectadores no mesmo período de exibição do filme “A Múmia 3”, as salas para “O Grande Dave” têm ficado com cerca de 60% de ocupação, enquanto “Star Wars: Guerra dos Clones” permanece com apenas 35% .

Fui conferir o conteúdo de “O Grande Dave”, e não me agradou. Não sei se, pelo fato de ter 19 anos, gostar de filmes mais agitados e dramas mais densos, tenha influenciado na minha crítica, mas pelo que me pareceu, o filme conseguiu agradar outros demais expectadores da sala. É claro que o filme tem um público alvo mais infantil, sendo uma trama mais boba e daquelas cheia de piadinhas.

O filme tem muitos efeitos especiais, e como quase toda comédia, tem lá seu momento dramático. O atrapalhado Dave que no início do filme passa por grandes problemas na cidade de Nova York, termina intitulado como super-herói. O engraçado mesmo são poucas cenas de humor negro, pois o filme não desperdiça a oportunidade de fazer piadas com elementos sérios, chegando a quase falar palavrões. Não consegui captar o ideal do filme, o propósito de toda a ação, pois no início, os personagens tem sua missão a cumprir, e  acabam conhecendo habitantes da Terra, e vendo neles uma certa particularidade e admirando certos atos, porém o filme termina sem que os personagens tenham tido a oportunidade de mostrar por cargas d’água estiveram na Terra, e porquê aprontaram tanto, pra nada.

Sinopse: Seres extraterrestres chegam à Terra em busca de uma saída para salvar seu próprio planeta da destruição. Esses extraterrestres têm a forma dos seres humanos, mas são muito menores. Para observar e aprender sobre a rotina terráquea, eles utilizam uma “nave espacial” que tem o formato de um ser humano comum (Murphy), que tem de aprender a agir como um humano normal.

Anúncios

Ações

Information

One response

25 08 2008
João Paulo

Rapaz, não tenho coragem nenhuma de ver esse filme, depois que ele começou a dublar o burro, praticamente o ator se perdeu durante esses anos e esse filme confirmou a derrocada desastrosa do ator. E o pior é a pergunta que se lançou nos ultimos anos que foi, por que o ator não quis seguir mais uma veia dramatica?

Uma pena não?
E obrigado por ter relacionado o seu blog com o meu.
Até

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: